...

Palavras despejadas, as vezes sem o menor nexo aparente, com um sentido um tanto ausente.Um blog de uma pessoa romântica, mas um tanto fria, de uma pessoa sedenta da sua companhia.

sexta-feira, 24 de abril de 2009


Ai adoro esse clima. Como não acordar cedo? como não ficar feliz? Ahh eu amo amo amo tempo frio, nem que seja assim como hoje: um falso frio.
Ai tô legal tô legal, Hoje tenho que ir la no maestro miro ver uma amiga que todo dia de sexta mim cobra uma visita e eu nunca dei, hoje terei que ir lá.
Bom, é legal sair em um tempo como esse.
Hoje resolvir tirar foto das minhas trancinhas...
Já cheguei a falar aqui da Princesa? Acho que não ela é filha da minha falecida cachorra Traice a melhor cachorra/amiga q eu ja tive, ela e o Pluto. Mas voltando a falar da filha dela, eu sempre evitei ela, logo no inicio porque meu pai falava q ela nao ia ficar com a gente, eu nao queria mim apegar a ela, mas ela acabou ficando, dai a Trace morreu e eu evitava a Princesa mais ainda, eu mim sentia triste e acabava tento medo de mim apegar a ela e ela morrer.
Mas depois vir que isso é besteira que todo mundo morre e eu ficando longe da coisa linda que ela é, apesar de ser chatinha as vezes, kasoksa nao ia mim levar a nada, isolar ela seria perder um bom tempo sem rir e mim divertir.
Ela é meio doidinha, as vezes parece comigo.
Hoje eu tava tirando umas fotos , ela se aproximou começou a morder de leve minha mão, eu tive q fotografar-la apesar de eu estar parecendo uma doida, mas é isso ai...
HUhu
Nossa tenho q parar de postar aqui enquanto converso no msn ou assisto Amimes isso mim deixa doida.
hehe
Bom tô de trancinha =D
heeh
quem mim perguntou?
hehe té mais.

2 comentários:

Incógnita disse...

é né quem é essa amiga q vc vai ver?
a mim ninguem vai ver né.nem vai la em casa e diz depois,depois.
tbm adoro o frio,amo esse tempo assim,gosto da chuva,mas naum gosto deme molhar as vezes,gosto de curti a chuva.
bjos Jacii tratante =\

J.Junior Estrela disse...

morrer diferente do que pensam, naum é o fim, so mais um começo dessa vida cançada...