...

Palavras despejadas, as vezes sem o menor nexo aparente, com um sentido um tanto ausente.Um blog de uma pessoa romântica, mas um tanto fria, de uma pessoa sedenta da sua companhia.

segunda-feira, 26 de março de 2012

Deslocada ainda é pouco

As pessoas são estranhas, não sei mais no que acreditar.... contos de fadas, casamentos... amor eterno isso tudo me parece estranho, porque uma parte desiste sempre, ou traí? Eu me sinto diferente disso, e por ser diferente quis me tornar igual, mas acho que não posso mudar por causa disso...
Além de relacionamentos, outra coisa estranha são as pessoas com poder, por menor que seja, elas se sentem BEM maior, do que realmente são... Pisam maltratam, magoam um pobre coração.... Um pobre coração já magoado... Ainda  me revolto porque as pessoas não param para nem ao menos tentar se colocar no lugar da outra... A vida, toda a vida, é como se fosse uma historia, um filme, o que quer que seja, que tem vários atores, cada um sentindo seu drama, é bom impor o que você quer ao outro, sem nem pensar como ele estar se sentindo por isso.. È por mandar e gritar "Problema seu", é.. deve ser... deve ser bom descontar as frustrações pessoais , ou raivas em outra pessoa qualquer, deve ser bom magoar alguém que não tem nada a ver, com quem magoaram você... So pode ser no minimo orgasmático uma coisa dessas... Deve ser melhor que sexo. --'
Sinceramente, odeio pessoas mentirosas, egoistas... Cansei de respirar esse ar.

Na minha cabeça as pessoas tinham que ter, bondade, pelo menos em 98% do ser.... nem sei se eu sou, no minimo devo fazer parte dessa coja, já que faço parte dessa raça. Mas sei lá, há de haver, exceções, tem de haver.

Não posso continuar me sentindo sozinha no mundo... Ou não devo continuar nesse mundo, onde tudo é um eterno e grande tanto faz.

Liberdade para mim é pouco. O que eu almejo não tem nomenclatura...

E do nada me deparo lembrando daquele filme... "Na natureza selvagem" , bem que as vezes, por muitas vezes, talvez 25hr por dia eu me sinto assim como o Christopher McCandless ....  Enfim deixa pra lá.
Talvez meu erro seja esse, deixa pra lá , ignorar, ainda espero aprender a lidar com isso...

Cansei dos que me cansam, agora eu quero descansar, brincar, ser feliz feito criança.

Talvez eu me ache muito por cima, e esteja totalmente sempre por baixo, não sei onde estou, não sei porque ainda e estou e não sei porque continuo estando.. Paranoia.
Queria dormi, e sei lá, de repente não acordar.

ctrl+c e ctrl +v de mim mesma

repostando um post do meu facebook

Religião ( PARA MIM) è pura hipocrisia, as pessoas vestem uma capa para entrarem em um templo e pensam, que assim, desse jeito, serão felizes e encontrarão o galardão ... Julgam muito a todos, pensam que são os certos e santos, esquecem de por fim pensar no próximo, de se colocar no lugar dos outros.... Demagogos.. Cada vez mais me decepciono com esse tipo de gente... Clichê mas acho digna a frase que diz: "-Nunca diga dessa água não beberei." não só porque é muito tempo, o nunca, mas é pior dizer quando se bebe...Meu Deus continuará sendo o amor, até quando as pessoas vão ficar acreditando em um Deus separatista? O amor é o que nos une.... Quando os seres humanos, todos, (não estou me excluindo disso) aprenderem a se colocar no lugar do outro, o mundo será um local melhor de ser vivido. Não devemos mudar por pessoas ruins, devemos ser tipo um sândalo que mesmo machucado, ainda perfuma o machado que o cortou. Mais uma vez... tentar fazer o bem, sem olhar a quem... Isso é uma tentativa de não me tornar uma pessoa ruim, é um desabafo é uma vontade de ser melhor e otimista. Acreditando que um dia as coisas mudarão para melhor, SIM! por que não ?

segunda-feira, 12 de março de 2012

Em colapso moderado

Penso todo dia em postar aqui, mas ... Pensamentos bagunçados, sentimentos ultrapassados... Palavras, só palavras realmente não resolvem nada... Eu as vezes quero um colo, um abraço, as vezes quero somente a minha companhia...

Sinto saudades de tanta coisa, de outras eu deixo para sentir outro dia... acho que vou me ignorando e assim pensando que estou ignorando as coisas ruins, mas por muitas vezes só me deixo ... Me abandono.. Preciso cuidar de mim.