...

Palavras despejadas, as vezes sem o menor nexo aparente, com um sentido um tanto ausente.Um blog de uma pessoa romântica, mas um tanto fria, de uma pessoa sedenta da sua companhia.

terça-feira, 3 de janeiro de 2012

como se comportar


Eu não sei bem como reajo a certas atitudes, eu não sei, não gosto do meu jeito, assim é claro que gosto de mim, mas tem muito em mim que não gosto e não consigo entender nem suportar, já postei aqui que queria um manual de instrução para viver....

"vou sair vou esquecer meu nome vou me distrair vou criar desordem até amanhecer..."

"Sabe lá o que é se comportar...." Sei lá acho que ninguém me entende, e tem umas jacis dentro de mim que também não se entendem... Eu não sei como é viver, eu sei que tenho fortes bloqueios com meus sentimentos...

Quando você cai de mais, você acaba ficando com medo de altura, daqui de cima tudo é bamba.
Depois que você tem um coração quebrado e estraçalhado é dificil se manter confiante, pior do que você carregar um cemiterio na cabeça é você não saber o que te move é ter medo de agir, é ter medo de não agir.

Pior é quando você sabe o que quer, mas se sente incapaz. Vontade de voltar para aquele buraco que é moradia fixa do meu ascendente, mas sempre que a maré baixa eu me atrevo a sair da toca, me esquecendo assim que tem horas que sou invadida por imensas ondas.................................


aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa


Não devo de fato ser uma boa pessoa. Queria de fato ter a coragem que outro dia procurei, procurei coragem para fugir e só consegui me manter parada aqui inerte, medo do desconhecido.


blá blá blá!
Eu não sei mais se eu sou
Quem acha que eu devia ser



Nenhum comentário: