...

Palavras despejadas, as vezes sem o menor nexo aparente, com um sentido um tanto ausente.Um blog de uma pessoa romântica, mas um tanto fria, de uma pessoa sedenta da sua companhia.

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Peixinho fora d'agua


Tum dan tum dan tum dan tum dan!


Ando contra o tempo vou correndo quando dar tenho q ir a pé sem muita fé nao chego lá, com o passar dos anos eu aceito o q se diz, sem saber porque é bom saber chorar pra ser feliz.... ♫

Essa cidade não conhecerá meu fim o que procuro encontrarei dentro de mim ♫

Eu to meio que sem sentido esses dias, parece que ando meio perdida.
Ando meio triste sem motivo, meio distante mesmo que perto.
Ando sem nexo até para escrever aqui.
Mas não ando mal não, ando bem. Ando tentando estar bem!
Ando tentando fazer o que quero, mesmo quando não sei o que quero.
Não sei o que anda acontecendo, parece que andamos distantes cada um em um planeta diferente
Saber viver com o diferente é um dom.
Seria tão mais legal e melhor de viver se a gente antes de fazer qualquer coisa ou tomar qualquer atitude, pensasse: '' E se fosse comigo?''
Outro dia achei um celular e fui procurar o dono, contei a algumas pessoas e ninguem disse q fiz o certo, mas nem ligo! dentro de mim eu sei que fiz o certo. Se fosse eu q tivesse perdido ia me sentir bem melhor dps q eu tivesse achado, se alguem tivesse me dado.
Ja achei uma carteira cheia de dinheiro tbm e devolvir. Não que eu seja politicamente correta e santa, longe de mim.
Mas sei lah acho q falta tanta coisa no ser humano ainda e que se cada um fizesse esses pequenos gestos seriam ao todo um gesto grande.

Eu queria ter coragem pra falar para as pessoas que eu amo que eu gosto q considero tudo, antes que fosse tarde. Queria ter coragem para me abrir mais as vezes.
Mas não sei como chegar. O amor fraternal é tão belo :)

Bom as vezes quase sempre me sinto um peixinho fora d'agua q vivo no lugar errado.
E nem é so com isso.
As vezes me sinto um peixinho fora d'agua aqui em casa tbm.
As vezes me sinto tão vazia e sozinha mesmo com tanta gente ao meu redor.
Mas o que me conforta é saber que nada é para sempre nem esses pensamentos confusos.

Nenhum comentário: